Jujuba: a fruta da imortalidade

Jujuba: a fruta da imortalidade

Jujuba a fruta da imortalidade

A jujuba é uma fruta exótica que cresce na árvore que possui o mesmo nome. Ela é cultivada na China e é muito apreciada devido ao seu sabor delicado, textura crocante e pele comestível.

Agora vamos conhecer quais são os benefícios da jujuba para a saúde.

Benefícios da jujuba

A jujuba é conhecida como a fruto da imortalidade, pois contém muitos nutrientes, incluindo magnésio, potássio, cobre, cálcio, niacina e também tem uma grande quantidade de vitamina C, muito mais do que várias frutas cítricas. Isto fortalece o sistema imunológico e evita o surgimento de doenças típicas das épocas frias, como gripes e resfriados. Um dos usos mais comuns neste sentido, é preparar um chá com esse fruto seco e beber para aliviar a dor de garganta.

De acordo com vários estudos médicos, a jujuba tem a capacidade de reduzir a pressão sanguínea e também pode ser utilizada em caso de problemas do fígado ou anemia. Tudo isso é devido aos flavonoides, que proporcionam um grande poder antioxidante, prevenindo assim o envelhecimento celular, o que muitas vezes pode causar tumores cancerígenos.

Além da fruta, as sementes da jujuba têm a capacidade de relaxar os nervos e são usadas para alcançar um bom ritmo de sono, em especial na medicina tradicional chinesa. Também tem 18 aminoácidos, que são responsáveis pela formação de um grande número de proteínas, uma das quais auxilia na cicatrização de feridas e chagas. Uma crença muito comum é de que o consumo regular da jujuba ajuda a melhorar o tom e a cor da pele.

Além da fruta, suas folhas também são muito utilizadas, seja como purificadores de ar, ou como repelente de insetos. Ao preparar um chá com folhas de jujuba, também é possível eliminar parasitas que vivem no intestino e que causam diarreia.

Como podemos ver, a jujuba é chamada de “A fruta da imortalidade” por causa de suas propriedades, ela é extremamente benéfica, melhorando a saúde em geral, evitando assim várias doenças.

Este artigo te ajudou?
  • +6 curtiram
  • 0 não curtiram