Dicas para lidar com o vício pela comida

Dicas para lidar com o vício pela comida

Ansiedade, depressão e estresse são alguns dos muitos culpados que podem provocar um vício perigoso pela comida, que os cientistas qualificam como um transtorno mental.

Nos casos mais extremos, vamos precisar da ajuda de um profissional para tratar esta doença. Às vezes, isso ocorre devido a fases de nossa vidas que são difíceis de superar, que nos causam estresse, ansiedade, preocupação e, finalmente, a dependência psicológica por alimentos.

Assuma o seu problema

Como acontece com qualquer vício, superar essa dependência não é fácil, e vai depender muito de sua personalidade e força de vontade. Neste sentido, o apoio da família e dos amigos é fundamental.

Mas o mais importante de tudo é assumir o seu problema. Às vezes, essa dependência de alimentos se deve por situações de estresse, problemas emocionais ou de um momento em nossas vidas que nos causa muita ansiedade.

Definir as refeições

Além de seguir um rigoroso cronograma de refeição, também é importante prestar atenção ao que você come. Assim, em nossa despensa não pode faltar as frutas e verduras, nem peixe e laticínios. Ou seja, uma dieta equilibrada e saudável.

Fazer esportes

O estilo de vida também é importante, assim como se mover e fazer exercício regularmente. O esporte é um grande remédio para reduzir a ansiedade e aliviar a tensão.

Se já é vítima de uma compulsão alimentar, anote suas crises e mantenha o controle de quando acontece. Controlar essas situações nos ajudará a entender por que elas ocorrem e, assim, evitá-las.

Não comer sozinho

Faça suas refeições em companhia de alguém, pois desta forma você vai se controlar mais. E, claro, coma devagar e sem pressa, apreciando os aromas e sabores.

Este artigo te ajudou?
  • +6 curtiram
  • -3 não curtiram