Benefícios de incorporar sementes e frutos secos em nossa alimentação

Benefícios de incorporar sementes e frutos secos em nossa alimentação

Benefícios de incorporar sementes em nossa alimentação

Os frutos secos e as sementes, como as amêndoas, nozes, pistaches, sementes de abóbora, sementes de girassol e amendoim, contém uma grande quantidade de nutrientes saudáveis. Apenas uma pequena porção vai te proporcionar uma grande quantidade de vitaminas, minerais e gorduras, os quais trabalham em conjunto para beneficiar o seu coração e o seu cérebro, além de ajudar a manter um peso saudável. Uma pequena porção também ajuda a reduzir a inflamação e proporcionar uma grande quantidade de fibras, proteínas e minerais que estimulam o sistema imunológico.

Vamos conhecer agora os benefícios das sementes e dos frutos secos para a saúde.

Saudável para o coração

Os frutos secos e as sementes contêm gorduras mono e poli insaturadas. Estas gorduras são essenciais para a saúde, no tratamento da inflamação e a manutenção da estrutura normal de cada célula do nosso corpo.

Gorduras saturadas e trans encontradas nas carnes, laticínios integrais e alimentos fritos e processados, podem ser prejudiciais ao nosso corpo, causando inflamações. As pesquisas mostram que as dietas ricas em gorduras não saudáveis podem conduzir a uma série de doenças.

Por outro lado, a escolha de gorduras saudáveis pode reduzir o colesterol e evitar as inflamações. Um estudo publicado pelo British Medical Journal, em 1998, mostrou que pessoas que comiam frutos secos e sementes cinco vezes por semana tiveram uma redução de 35% no risco de doenças cardíacas.

Prolongam a saciedade

Quando comemos alimentos ricos em fibras, a digestão fica mais lenta, fazendo com que nos sintamos mais satisfeitos. Com isso, nós comemos bem menos, nos ajudando a perder peso mais facilmente. Mas o papel das fibras não param por aí. As fibras presentes nas frutas, legumes, cereais integrais, sementes e nozes ajudam a diminuir o colesterol.

Uma investigação feita pelo American Journal of Clinical Nutrition descobriu uma redução 25% nos níveis de colesterol após o consumo de frutos secos e sementes.

Importante fonte de proteínas vegetais

Uma dieta baseada em plantas está sendo recomendada pela Associação Americana do Câncer para prevenir doenças cardiovasculares e o câncer. Esta dieta inclui proteína magra, como frango ou peixe, e é rica em frutas, verduras, legumes e grãos integrais. É importante não consumir carne vermelha, alimentos embutidos e refinados.

Um estudo publicado na Circulation, em 2008, que acompanhou mais de 72.000 pessoas por 28 anos descobriu que quem seguiu uma dieta baseada em plantas teve redução de 25% no risco de doenças cardíacas e risco de câncer.

Fornece minerais incríveis

As nozes e as sementes contêm minerais como o magnésio, zinco, cálcio e fósforo necessários para o bom desenvolvimento dos ossos, a imunidade e a produção de energia. Um estudo mostrou que os indivíduos que consumiam mais magnésio, cerca de 350 miligramas por dia tinham significativamente menos inflamações do que aqueles que consumiam menos.

A inflamação está associada a quase todas as doenças, e tem ligações diretas para com a doença cardíaca e diabetes tipo II. Trinta gramas de sementes de girassol contêm 100 miligramas de magnésio. O cálcio é um mineral necessário para o desenvolvimento dos ossos. Trinta gramas de amêndoas fornecem 75 mg de cálcio.

Um punhado de frutos secos, ou cerca de 30 gramas, é uma porção ideal. O objetivo é comer uma grande variedade de nozes e sementes, como todos eles contêm diferentes vitaminas, minerais e proporção de gorduras saudáveis. Isto não só irá dar ao seu paladar um pouco de variedade, mas você vai garantir que o seu corpo está recebendo quantidades adequadas de todos os nutrientes que os frutos secos diferentes têm a oferecer. Opte por nozes ou sementes em seu estado mais natural, sem óleos ou adição de sal.

Este artigo te ajudou?
  • +5 curtiram
  • -3 não curtiram